4 de outubro de 2012

Set Mix Dj Dilsinho Lima !


Oi Galera?!?!?!
2 FACES é uma serie de sets mixados q apareceu no acaso.
a intenção é atender os amigos(as) q me confiam suas listas de musicas PREFERIDAS.
”q para mim é uma alegria atenter esses pedidos.”
É uma verdadeira troca de idéias e à oportunidade de tocar musicas q por outros motivos “ou esquecimento” acabo ñ colocando nos meus sets.
Nesta edição vamos curtir o PalyList da minha querida amiga “MARA LUISA”.
um set de PROGRESSIVE HOUSE do começo ao fim.. Confira!
Abraços e BOM DOWNLOAD! 
Ass : Dilsinho Lima !

2Faces Two (Mara’s Playlist) - Dj Dilsinho Lima

 

:: List of Mara Luisa ::


GusGus - Over

Pryda - With Me

Funkagenda & Adam K - Drift (Club Mix)

Tony Jaguar & Andy Simon - Passion Electrique

Delerium - After All The Strangers (Gaben & Phil Mashup)

Dinka - Road To Perdition

Rosette - Fire

Lifehouse - Storm (Dinka Remix)

Chris Brown - Beautiful People (DallasK & Halatrax Remix)

Total Sound & Nathalia - You & I

Dinka - Scarlet

Chris Reece Feat Nadia Ali - The Notice

Taylor Swift - Love Story (Jaytech & Dinka Mashup Remix)

Nadia Ali - Autumn Fantasy (A.E.R Mashup Mix)

D.E.R - Little World


Clique aqui para acessar


Tempo: 87 minutos, 81.9MB em 128 kbps
Gereno: PROGRESSIVE HOUSE

By Mixed:


DJ DILSINHO LIMA
From
GARAGEM 25


Nenhum comentário:

Postar um comentário

CLICK E CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK









JÁ CURTIU NOSSA PÁGINA ? ENTÃO TA ESPERANDO O QUE ?


A Historia das Mixagens !!!






A história das mixagens remonta a era da Disco Music dos anos 70. A técnica de colocar uma música encaixada com a outra começou quando a disco estourou nas boates e os DJ's chamavam isso de "non-stop dancing". O DJ podia mixar as musicas e emparelhar as batidas desde que elas tivessem o mesmo tempo. Mas era só isso que eles faziam. A parte de usar as pick-ups para fazer scratches e outros efeitos surgiu na cultura do rap.Embora DJ's como Grandmaster Flash, Grand Wizard Theodore e Afrika Bambaataa eram as principais figuras da história do hip hop nos anos 70, os Mc's é que eram os principais lances do rap.Afinal de contas, para ter alguma chance nas rádios e um sucesso nas vendas as músicas precisavam de um toque mínimo de vocal pelo menos. No começo, os caras que mexiam com essas coisas de colocar som em festas eram extremamente desconhecidos e aquela tarefa era inevitavelmente sem brilho.Mas assim que o hip hop ganhou muita força nos anos 80, a discotecagem virou uma forma de tocar, assim como o Mc. Aqui as estrelas eram os DJ's e em vez de rimas e versos, eles tinham um som com performances de scratch’s, spinbacks, phasing, crab e algumas acrobacias sobre duas pick-ups.O músico Christian Marclay experimentou sinfonias com pick-ups no início dos anos 80, usando material de vários tipos de músicas.Em 1987 surgiu nos EUA um evento de mixagens com nome de D.M.C. ( Disco Mix Club ), que passou a organizar os maiores campeonatos de mixagens. A competição se tornou uma das principais formas de mostrar se o DJ era bom mesmo, praticando suas habilidades com as pick-ups e ganhando status. DJ's como Qbert, Mixmaster Mike, DJ Apollo e Rob Swift se tornaram as principais figuras da nova geração. Mas ainda hoje o D.M.C. ainda acontece e a cada ano que passa torna-se mais famoso e com maior numero de participantes, embora alguns aleguem que os resultados são de cartas marcadas, isso não tira a cobiça dos DJ’s em desfrutar dos prêmios e da ascensão quem um campeão recebe. Apesar dos álbuns de artistas de mixagens nunca tivessem ultrapassado as audiências do rock, o estilo ganhou vários fãs e vários seguidores que admiram a habilidade dos DJ's. Atualmente o DJ, que é um profissional estudioso na área musical, muitas vezes é confundido com pessoas que se auto intitulam "DJ" e que fazem encaixes desordenados e que só colocam músicas que estão fazendo sucesso no popular. Não possuem o principio básico de animação e comportamento profissional, denegrindo cada vez mais os bons profissionais da área.


DJ Fabio Reder